Arte

Mais flashes...

Pra alguém com tanto gosto pra artes visuais, falta imagem neste blog, não acham? Bom, seguem alguns rascunhos à mais da nova versão de Esperanza, minha futura HQ (daqui uns 10 anos :P)

Depois uma tirinha do meu personagem favorito de tirinhas... Vale à pena. Tenho uma coleção antiga em algum lugar em Jundiaí, se tiver tempo um dia escaneio toda ela.

Revolta do Meio-Dia

Ninguém vive a poesia
é perigosa
O homem a teme
É uma voz poderosa
Indomável, porém tênue
Incertas na ventania
as nobres aventuras
Do que resolver um dia
Subir com ela às alturas

Não,
Prendam-na!
Sufoquem-na em meio as melodias contra o tédio
Matem-na nos livros empoeirados e papéis sujos
Seu lugar é no último sucesso à ser ouvido na rádio
Nunca passará de um pardal à cantar nos ouvidos surdos
Aquela que escapar, que seja caçada
Pelos arpões da inveja e da falsidade
Ridicularizada e caluniada, ainda que cansada
Que seja sempre utopia, e nunca realidade
Que seja somente indistinguível melodia
Que nunca seja ouvida de verdade
Que fique longe da forte luz do dia
Que seus libertadores sejam escória
Sejam apenas sonhadores lunáticos
Ou tolos...

A humanidade teme a poesia
a mensagem, o verbo
Quer enclausurar as forças
que em suas músicas
impetuosas
denunciam
As monstruosidades
Do tenebroso mundo do homem.

Mas os loucos
e apaixonados (irremediavelmente)
Mesmo que roucos
Vão gritar com toda voz de sua mente
Talvez alguém ouça sua mensagem
E talvez, no fundo do cesto
Ainda reste uma semente de passagem
Para escapar do resto...

Uma pequena espiada...

Bom, eu retomei mesmo o meu maior projeto, então resolvi dar uma pequena amostra. Pra quem não sabe ou nunca viu, trata-se de uma sopa de letrinhas e imagens com estilo. Mais conhecida como HQ.

Poesia no espeto

Poeta Grill
A sua melhor opção!
Poesia, produto
Capitalismo porco
Porco no rolete
Bacon!

E by Campos:
"Asneira? Impossível? Sei lá!
Tenho mais sensações do que tinha quando me sentia eu."

PS.: ria ou chore, fique à vontade...

Divulgar conteúdo